terça-feira, 17 de maio de 2011

FRAGATAS EM ITAJAÍ

                                       Itajaí-SC. Navios da Marinha de Guerra Brasileira
Marcadores: cultura, exposições, Itajaí, Marinha do Brasil, Navios, turismo, viagem em familia
                                                              Fragata Independência
Nesta semana, aportaram na cidade de Itajaí, dois navios da Marinha de Guerra do Brasil. Tratava-se da Fragata Independência e da Corveta Jaceguai, navios que tem como missão o patrulhamento da costa brasileira e possíveis missões de resgate. Os navios estão no porto para reabastecimento e foram abertos a visitação pública, e é claro que nós do Viagemfamilia não perdemos esta oportunidade de conhecer mais esta atração.
A Fragata Independência foi foi lançada ao mar em setembro de 1979, tendo sido construída no Arsenal da Marinha Brasileira no Rio de Janeiro. Desloca 3.800 toneladas com um comprimento de 130 metros, 13,5 metros de boca e carrega uma tripulação de 209 homens.
Está equipada com Misseis Exocet, Misseis Aspide, Sea Cat e Ikara,  Canhões Vickers de 115mm e Bofors de 40 e 70 mm, bem como torpedos e foguetes. Carrega ainda um Helicóptero Super Lynx, deslocando-se a velocidade máxima de 30 nós(aproximadamente 60 km/h)
                                             Explicações sobre o helicóptero Super Lynx
A Corveta Jaceguai (apelidada de Gato Preto) é da Classe Inhaúma e foi lançada ao mar em junho de 1987, e foi o segundo navio de sua classe a ser construído no Arsenal da Marinha Brasileira no Rio. Desloca 1970 toneladas com um comprimento de 96 metros, boca de 11,5 metros e carrega 133 homens.
Está equipada com um Canhão Vickers de 115 mm, dois Canhões Bofors de 40 mm, dois lançadores de Misseis Exocet e dois lançadores triplos de torpedos, bem como equipamento para lançamento de minas.
Carrega também um Helicóptero Super Lynx, deslocando-se a uma velocidade máxima de 27 nós(aproximadamente 50 km/h).
Ponte de Comando da Corveta Jaceguai

Visitamos o convés dos navios, bem como os decks superiores e também a ponte de comando da Corveta Jaceguai, perguntando para os marinheiros e oficiais presentes, detalhes e informações sobre estes vasos de guerra. Os andares inferiores, alojamentos e os porões não estavam abertos a visitação, e por isso não pudemos conhecê-los
                                                 Vista da proa da Fragata Independência

Canhão Vickers de 115 mm na proa da Corveta Jaceguai
 Foi muito interessante visitar e  conhecer estes navios que patrulham as nossa costa litorânea, e aprender um pouco mais sobre as funções que eles desempenham, pois são poucas as oportunidades de ter acesso a este tipo de atração. Até a próxima!!

Colaboração de Marcos A. Junghans

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos a participação de todos com comentários que sempre bem-vindos desde que em terminologia ética e adequada.