segunda-feira, 23 de abril de 2012

Notícias da Semana de 09 de abril a 22 de abril de 20112

A ACDI está formatando um novo projeto de atuação junto à comunidade, chamado Comunidade em Ação.  Na verdade, já era uma das nossas principais formas de atuar junto à comunidade, mas não tinha estratégias e nem focos definidos de atuação.
Trata-se de montar núcleos atuantes em diversas áreas do bairro de Itajuba, nos quais os moradores de uma determinada rua ou localidade determinam suas prioridades, sempre contando com o envolvimento de membros da diretoria e associados da ACDI. Esses núcleos nomeiam 1 ou 2 representantes para, mais tarde, em conjunto com a ACDI, serem traçadas estratégias para como resolver a demanda apresentada.

Reunião com Comunidade Areia Branca
Já há núcleos de Av. Simas, R. Leopoldo Gumz, Rua Areia Branca, Rua Blumenau/Biguaçu , R. Arnaldo Antunes entre outros, e é claro, todos têm problemas a serem resolvidos.
Seguidamente, outras ruas e localidades serão visitadas para que todos possam ser atendidos, de alguma forma, em suas necessidades. É claro que não existem fórmulas milagrosas para resolver tudo, então é preciso priorizar as necessidades mais prementes. Muitas vezes o próprio envolvimento da comunidade já apresenta alternativas de solução, e em todos os casos, a ACDI intercederá junto a órgãos públicos e governo para a apresentação e posterior cobrança da solução de solicitações da população.

Reunião com Comunidade Rua Biguaçu
Esse projeto agora iniciado tem como um dos objetivos principais preencher uma lacuna existente entre o cidadão, às vezes mais simples e sem recursos e o Poder Público, que demanda a resolução de necessidades como regularização escritural, patrolamento de ruas, manilhamentos, ensaibramentos, roçadas, iluminação pública, água, esgoto, energia elétrica, saúde, educação, segurança, entre muitas outras ações tão necessárias a uma melhor qualidade de vida.

Limpeza de Valas
Todos sabemos que às vezes boa vontade facilita bastante as necessidades básicas, mas de qualquer forma, o Poder Público deve suprir as demandas dos cidadãos pagadores de impostos e merecedores de atenção em reivindicações pertinentes. A Prefeitura Municipal, através do Pref. Claudemir Matias e outros empossados, já está a par das ações efetuadas junto à comunidade pela ACDI, e tem-se mostrado aberto a buscar soluções integradas aos propostos. De qualquer forma, esta será uma ação constante desenvolvida pela ACDI que visa integrar o bairro de Itajuba e tentar de alguma forma melhorar o bairro e cidade como um todo.

Também nestas semanas que passaram, temos cobrado incessantemente atuações efetivas de projetos lançados pelos governos municipal e autarquias como, por exemplo, o COMDICA (Conselho Municipal da Infância, Criança e Adolescente) do qual a ACDI é conselheira. O Comdica tem-se mostrado inoperante, nem ao menos realizando as reuniões necessárias ao seu correto funcionamento sem ao menos ter implantado o Regimento Interno da Entidade. Por este motivo, a ACDI acionou o Ministério Público no sentido de tentar resolver este emperramento de um órgão que tem como objetivo principal focar nas soluções para os problemas que atingem nossas crianças. 
Ainda essa semana, graças a essa intervenção, a Promotoria Pública de Barra Velha convocou uma reunião extraordinária do Comdica para verificar possíveis problemas e traçar metas de ação. Maiores notícias logo.


Outro travamento operacional tem se notado na criação do Parque Municipal Caminho do Peabiru, do qual a ACDI e outras ONGs tem se empenhado em fazer um correto manejo. Mais uma vez um órgão da administração e fiscalização municipal tem-se mostrado ineficiente em solucionar as propostas que foram apresentadas. Já se passaram meses desde a realização das Oficinas de Manejo do Parque, sem que ao menos a FUNDEMA tenha convocado aos participantes destas oficinas para formar o tão necessário Comitê Gestor do Parque.  Sem esta formação do Comitê, verbas destinadas ao correto manejo estão sendo administradas sem os critérios adequados, e o próprio parque está "largado", sujeito a ações de vândalos e depredações como já flagramos "in loco"!!

Desmatamento e degradação do Parque do Peabiru.

Também na semana passada, a ACDI esteve representando os interesses do bairro de Itajuba perante a questão da segurança pública, que já é um tema recorrente e no qual estamos trabalhando há meses. Desta vez, após reuniões em Florianópolis com o Secretário Cezar Grubba e já algumas com a cúpula da Polícia Civil de Santa Catarina, em Barra Velha, em reunião com o Del. Artur Mitz-Delegado de Polícia do Litoral- ficou acertada a instalação da Sub-Delegacia de Polícia Civil no Bairro de Itajuba. Ficará localizada no novo prédio recém-construído na Av. Itajuba, ao lado do Posto de Combustíveis Ipiranga.

Reunião em Florianópolis com Sec de Segurança Estadual César Grubba
Reunião com Del de Polícia do Litoral  Artur Mitz e Del. Tânia Harada.
Também logo, à curto prazo, se instalará em Itajuba um posto de atendimento bancário, item tão necessário e já pedido há muitos anos pela comunidade e pela ACDI.  Agora com a implementação da Sub-Delegacia de Polícia Civil ao lado, finalmente se concretizará um banco em Itajuba!


 Também não podemos deixar de citar e registrar coisas boas e agradáveis que acontecem e dos quais a ACDI também participa como forma de integrar e participar da comunidade.
No sábado, dia 21 de abril, aconteceu o 2° STAMMTISCH de Barra Velha, que nesta edição foi realizada na Praia do Grant, em Itajuba.  O objetivo do Stammtisch é o de reunir e congraçar amigos em uma reunião descontraída com o único objetivo de fazer novos amigos e rever os atuais. A ACDI montou sua barraca com doações de seus associados e simpatizantes sob o lema: BARRACA dos VOLUNTÁRIOS - AMIGOS DE BARRA VELHA e ITAJUBA.

Barraca da ACDI- Amigos de Barra Velha e Itajuba
Foi um sucesso, pois muitos compareceram para nos visitar e ficamos entre amigos das 10h da manhã até às 18h, já no final da tarde de um sábado no qual o clima variou de calor, para chuva com intervalos de sol, vento, tempo bom, ruim e até um pouco de frio. O que não esfriou nem um pouco a alegria dessa turma que são os Amigos de Barra Velha e Itajuba, da qual a ACDI também faz parte.

Entre amigos
Muitos amigos compareceram, e muitos novos outros amigos conhecemos, o que comprova que há bastante pessoas envolvidas e interessadas em buscar trabalhar pelo lugar onde mora, sempre focando bons hábitos e costumes.
A ACDI está sempre buscando resolver problemas e solucionar necessidades do bairro e região e agradece a todos que, como parceiros e amigos, estão nos ajudando nessa tarefa!



Texto e Fotos Divulgação ACDI

quinta-feira, 19 de abril de 2012

STAMMTISCH EM ITAJUBA

A ACDI – Associação Comunitária de Desenvolvimento de Itajuba - vem convidá-los para curtir essa festa!
Traga seus amigos, um prato de doce e/ou salgado e venha compartilhar conosco!
Local: Praia do Grant
Data: sábado, dia 21 de abril
Horário: a partir das 10h até às 17h


quinta-feira, 12 de abril de 2012

Reunião dos membros da ACDI com o Prefeito Mathias



Aconteceu dia 11 de abril a reunião dos membros da diretoria da ACDI, Norbert Dohnau, presidente, Mário Graniel Ferraz, tesoureiro e Gelásio P. de Souza, representante da localidade Areia Branca e Leopoldo Guns na ACDI.

  Os temas tratados foram os seguintes:

1. Ajuda financeira para a ACDI.
   - O Prefeito respondeu que autorizou, faz tempo, a ajuda financeira para a ACDI e que vai verificar o que houve com o projeto, respondendo por telefone ao presidente Norbert.

2. Passarela do Grant:
  - O Prefeito afirmou que foi elaborado projeto como ainda não tinha sido feito anteriormente,e este foi aprovado pela SDR, mas não houve liberação de recursos para sua realização, até o momento. Também informou que o suposto recurso do Governo Federal para a passarela, agendada em Audiência Pública na Câmara de Vereadores, também foi cortado pelo Governo Federal.

3. Segurança no Bairro de Itajuba
- Sobre a segurança no bairro, o Prefeito disse que está tudo acertado para funcionar uma Sub-delegacia de Polícia Civil em Itajuba e que no dia 12 de abril virá à Barra Velha o Dr. Artur Mitz, Chefe da Polícia Civil do Litoral, para acertar a data em que a Sub-delegacia entrará em funcionamento (no máximo, em 45 dias). Informou que o posto da PM que temos hoje será desativado e que a Prefeitura está adquirindo uma VAN para a PM patrulhar o bairro de Itajuba

4. Solicitação de colocação de placa na entrada de Itajuba na BR101.
  - O Prefeito pediu ao presidente de ACDI o envio de um Ofício à Prefeitura, a fim de ser anexado ao ofício da Prefeitura para o Autopista Litoral Sul, com a reivindicação da ACDI.

5. Escrituração dos imóveis nas localidades Leopoldo Gums e Areia Branca
  - O prefeito informou que está em curso um convênio entre Governo do Estado, Tribunal de Justiça e Prefeitura, para resolver este problema e que já estaria sendo contratada uma empresa que vai se encarregar de todo o trabalho de regularização dos imóveis. Segundo o Prefeito, o contrato deve ser finalizado em 30 dias. Sobre as demais reivindicações dos moradores da Areia Branca e Leopoldo Guns, o Prefeito ficou de visitar o local em um ou dois dias para ver de perto o que pode ser feito.

6. Festival Gastronômico.
-  O presidente Norbert questionou a demora da FUMTUR em convidar os estabelecimentos gastronômicos de Barra Velha para uma reunião sobre “como o FUMTUR pretende organizar o 4º Festival Gastronômico 2012”. 
O presidente da ACDI, Norbert, explicou para o prefeito Mathias que no ano passado, depois de o Núcleo Gastronômico da ACDI ter organizado o 3º Festival Gastronômico, o prefeito Mathias e a FUMTUR comunicaram que, em 2012, a Fundação de Turismo iria organizá-lo, envolvendo todos os Restaurantes de Barra Velha. Em novembro do ano passado, em Fevereiro deste ano e no começo do Março deste ano, o presidente da ACDI, Norbert, falou várias vezes com o presidente do FUMTUR, Thiago Pinheiro, avisando que deveria acontecer  logo a convocação da reunião dos estabelecimentos com a FUMTUR para ter tempo suficiente a organizar o 4º Festival Gastronômico 2012.  No meio do mês de março 2012,  o presidente da ACDI avisou o presidente da FUMTUR, Thiago Pinheiro, mais uma vez, a começar  reunir os proprietários de estabelecimentos gastronômicos e a resposta do presidente foi que a reunião iria acontecer logo depois da Páscoa.

O Prefeito entendeu que a reunião é urgente e ligou imediatamente para o presidente da FUMTUR, Thiago Pinheiro. O prefeito orientou para o presidente Thiago Pinheiro  começasse imediatamente com a organização do 4º Festival Gastronômico e de comunicar ao presidente da ACDI Norbert, ainda nesta mesma semana, sobre o convite para a reunião dos Estabelecimentos Gastronômicos com a FUMTUR.

domingo, 8 de abril de 2012

Projeto Educacional Diferenciado em Itajuba

Já se tem notado, há algum tempo, que muitas crianças em escolas públicas apresentam defasagem de idade em relação à série que estão cursando, por motivo de retenção ou falta de acompanhamento adequado no currículo normal. Então, as professoras Leovani Aparecida Lusa e Maria do Carmo Ronchi Alves, respectivamente, diretora e coordenadora educacional da Escola Municipal Básica Manoel Antônio de Freitas, em Itajuba, imaginaram uma solução para tentar ajudar esses jovens.

Profª Maria do Carmo e Profª Leovani - orientadora e diretora da EEB Manoel A de Freitas
Aí surgiu a ideia do Projeto Aceleração - ACE. Basicamente é um  projeto voltado a direcionar os ensinamentos do ensino fundamental, condensando o currículo dos 4 (quatro) anos finais em 2 (dois) anos.  Inicialmente, houve um pouco de descrença em relação à ideia, visto que já houve tentativas nesse sentido, sem sucesso! Depois de algumas conversas e demonstrações de sua viabilidade, a Secretaria de Educação do Município, através da Prof. Roseni dos Santos, apoiadora e coordenadora do mesmo, viabilizaram o projeto, solicitando relatórios semestrais individuais com o aproveitamento dos alunos envolvidos. A boa notícia é que o projeto criado está funcionando de forma positiva, desde o início de março/2012, já com boa aceitação e receptividade por parte dos educandos, criando boas expectativas em relação a sua aprendizagem!
Grupo de alunos envolvidos no Projeto ACE
Esse projeto teve seu embrião no ano de 2011, pois havia muitos alunos do 6º ano (5ª série) com 12, 13,14 e até 15 anos de idade, na série onde o normal é ter 10/11anos. Esta diferença de idade produz resultados negativos, inadequação na postura e tratamento, tanto para as crianças na faixa etária correta, quanto para aqueles que estão defasados, causando graves lapsos de aprendizagem e problemas de disciplina. Basicamente, o Projeto ACE aumenta a carga horária das áreas básicas, Matemática e Língua Portuguesa, de 4 aulas semanais para 7, aumentando, com isso, a probabilidade de se melhorar o nível de alfabetização dos alunos. O grupo é formado por 23 alunos, com idades entre 13 e 16 anos, que foram selecionados e avaliados de forma rigorosa, usando como critério a questão do abandono intelectual e presencial que fatalmente ocorre pela defasagem da idade.
Segundo as professoras Leovani e Maria do Carmo, as expectativas e sucesso ao final do projeto pontual de dois anos de duração são de, no mínimo, 80%, não excluindo as possíveis reprovações, quer seja por desistência, quer por falta de comprometimento dos aprendizandos.

É um projeto inédito na rede municipal do nosso município, tendo sido tomado como base de alguns outros projetos de escolas de Florianópolis e Jaraguá do Sul e é coordenado através da Secretaria de Educação, apoiado na Lei Municipal do Ensino, de 2010, que, no seu artigo 66, habilita e autoriza esse processo através da adaptação curricular.
Essa mesma lei não permite na inclusão do projeto alunos com síndromes diagnosticadas e que possuam laudo médico atestando outras deficiências e/ou transtornos.

Professores e profissionais envolvidos no Projeto
Os docentes envolvidos nesse Projeto de Aceleração de Estudos da EEB Manoel A. de Freitas são: - Profª Denise de Fátima Linhares: Língua Portuguesa e Inglesa
- Profª Marianne K. Junghans: Matemática e Ciências
- Prof. Juliano Bernardes: História, Geografia e Artes
que, de forma voluntária, se dispuseram a abraçar essa causa, por acreditarem "que toda criança e adolescente tem direito a educação de boa qualidade, não devendo ser excluídos da sociedade por falta de oportunidades!"


Dentro do Projeto estão previstas Aulas de Campo. A primeira saída com os alunos foi na última semana de março, onde foi abordado, através da interdisciplinaridade, a história de Barra Velha, com ênfase aos pontos turísticos de nossa cidade.


A direção da Escola Manoel, junto com seus profissionais envolvidos e a ACDI, acreditam no sucesso deste empreendimento investindo nessas crianças, pois sem escola e cultura poucas perspectivas de futuro promissor existem!



Texto: Marcos A. Junghans
Fotos: Marianne K. Junghans
           Marcos A. Junghans